Você está aqui
Home > Destaques > Foto de brasileiro em onda de calor de Havana vence concurso mundial de fotografia

Foto de brasileiro em onda de calor de Havana vence concurso mundial de fotografia

Imagem de nadadoras em Cuba feita por Alexandre Meneghini venceu na cateoria ‘Pessoas’ na competição aberta do Sony World Photography.

Da BBC
Imagem foi feita durante onda de calor em Cuba (Foto: Alexandre Meneghini/Sony World Photography Awards)
Imagem foi feita durante onda de calor em Cuba (Foto: Alexandre Meneghini/Sony World Photography Awards)

O fotógrafo brasileiro Alexandre Meneghini foi um dos premiados no concurso mundial de fotografia Sony World Photography Awards, um dos maiores do mundo.

A imagem de duas nadadoras durante uma onda de calor em Cuba foi a vencedora na categoria “Pessoas” da competição Open.
A edição de 2016 do concurso teve um recorde de inscrições, recebendo mais de 230 mil fotografias de 180 países.

Apenas na categoria Open, a imagem de Meneghini teve que competir com outras 95.541 fotos submetidas. As outras competições são Professional, Student e Youth.

A imagem de Meneghini foi feita durante uma onda de calor recorde em Havana, Cuba, onde o brasileiro mora desde 2014.

As mulheres da fotografia fazem parte de um grupo de idosos que se reúne todos os dias para nadar e conversar. A foto faz parte de uma série de imagens sobre o cotidiano em Cuba.
“Esse reconhecimento é bastante importante para minha carreira e eu acredito que todos os fotógrafos, profissionais ou não, deveriam participar”, disse.

Meneghini é de São Paulo e trabalha para a agência de notícias Reuters.

Agora o fotógrafo brasileiro vai competir com outros nove profissionais vencedores de outras categorias na competição Open. O prêmio será de US$ 5 mil.

O vencedor geral será anunciado em uma cerimônia em Londres no dia 21 de abril.

Além disso, as fotos vencedoras participam de uma exposição na Somerset House, em Londres, de 22 de abril a 8 de maio e também serão publicadas na edição de 2016 do livro da premiação.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

Top